• Pontaria Novo Governo
  • BOLETOS ON-LINE
  • coffee news mudou para melhor
  • sindeprestem 2018
  • CONTRIBUIÇÃO PATRONAL 2018

15/03/2019 | Senado cria comissão para acompanhar reforma - O Globo

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), criou ontem uma comissão para acompanhar a discussão da reforma da Previdência. A ideia é debater a proposta paralelamente à tramitação na Câmara dos Deputados, onde o texto começará a ser discutido na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), instalada na quarta-feira.

A primeira reunião do grupo, que terá nove membros titulares e nove suplentes, está prevista para a próxima semana. O presidente será Otto Alencar (PSD-BA) e o relator, Tasso Jeressati (PSDB-CE). De acordo com Alcolumbre, um dos objetivos é possibilitar uma troca de informações entre os líderes partidários das duas Casas.

— Acompanhando esse debate, os senadores estarão aptos a fazer encontros com os líderes partidários da Câmara, que era o desejo, e debater a proposta que foi entregue —explicou.

Também farão parte da comissão: Eduardo Braga (MDB-AM), Espiridião Amim (PP-SC), Cid Gomes (PDT-CE), Vital do Rêgo (PSB-PB), Jaques Wagner (PT-BA), Rodrigo Pacheco (DEM-GO) e Elmano Férrer (PODE-PI). Os suplentes ainda serão indicados pelos líderes dos partidos.

Segundo o presidente do Senado, a comissão discutirá apenas a proposta de reforma da Previdência dos civis, e não o projeto relativo aos militares, que ainda será enviado pelo governo. Alcolumbre disse ainda que a tramitação dos dois textos será conjunta, mas que a votação da proposta para os militares será realizada depois.

— Uma coisa posso assegurar para vocês: há entendimento e um acordo, tanto da Câmara quanto do Senado, de que a proposta dos militares vai caminhar junto com a reforma, mas ela será votada depois.

A ideia, contudo, não agradou a todos. A senadora Kátia Abreu (PDT-TO) considera que a comissão vai colocar pressão no Senado por uma tramitação mais rápida:

— Estão arrumando já um discurso. É uma camuflagem, uma peça de teatro, para apressar a votação no Senado —critica.

Fatos e Notícias

Home Logo01
Home Logo02
Home Logo03
Home Logo04
Catho
Up Plan Logo 02